Marcadores

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Equilíbrio entre Razão e Emoção: nunca deixe de existir.







Hoje descanso na esperança do tão sonhado futuro, de modo incerto completo meu álbum de aprendizado, renascendo das cinzas a cada morte de espírito, me livrando das más intenções dos seres humanos que ferem, jogam com amor, esses não são dignos de respeito, pois amor é tão raro quanto boas intenções, deste modo não se deve dizer o que não se sente, fazer o que não se quer,  e viver somente para existir, eu por convicção não escolhi esperar, uso minha razão o bastante pra raciocinar, e sou intenso o suficiente para amar, a cada segundo respiro com o compasso acelerado, ao extremo do concreto calor abstrato, as lágrimas já não me molham mais, o sol me mostrou que vem todos dias pra aquecer todos aqueles de bom coração que buscam crescer, se entender com ser humano, e assim evoluir em esfera metafísica e material, por fim faço um brinde com todas as decepções e tristezas, e deixo meus votos de boa sorte a todos vocês que ainda não permitiram que a vida morresse em seus corações.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário